Notícias da Sangha

Vire seu rosto para a vida

Mevlana Garden, abril 20, 2018

Aqui e agora, a primavera floresce dentro de nós, enquanto mergulhamos mais profundamente no silêncio. Não podemos fazer as flores crescerem, mas podemos criar harmonia nos tornando mais vazios e receptivos. Permitir que a fragrância que emana de nosso Amado derreta nossos corações, deixando que a Existência nos use e faça o que deve ser feito.

O coração do coração sussurra, naquela linguagem que sabemos, mas esquecemos. Ele tem tanto a nos dizer e está nos chamando de volta para casa. E junto ao nosso Mestre, atendemos ao chamado de parar para escutá-lo. Ele, em sua compaixão sem fim,  desceu das montanhas somente para compartilhar conosco e nos lembrar que antes de tudo, precisamos nos purificar, devemos livrar-nos das correntes que nós mesmo criamos à nossa volta e cuidar de nós mesmos.

A partir deste entendimento, podemos então ser espontâneos, estar naturalmente em Paz, viver um dia de cada vez e aceitar que  tudo está perfeito, exatamente como está. E como poderia ser diferente, já não somos afortunados o suficiente? Deus nos enviou um de seus mais amorosos companheiros – nosso doce Babaji.

Quão bem aventurados, nós que podemos, como tão lindamente expressa Sanai, “curvar as costas em dobro a seu serviço” e assim, encontrarmos a nós mesmos.

 

Sentados em Satsang, aos pés de nosso Mestre, mantemos “o rosto virado para a vida”, para a beleza, para a Verdade. E o Amado pode derramar sobre nós  sua sabedoria e falar da beleza da morte. Não somente o fim da jornada deste corpo na Terra, uma grande oportunidade de um real encontro consigo mesmo. Mas ainda além, o desaparecer, a morte em Consciência, o Renascimento, o morrer em Amor.

Quanta gratidão por termos nosso Amado Babaji, para nos lembrar e lembrar deste espaço profundo e sagrado, onde sempre podemos encontrar nosso centro, nosso precioso silêncio. O Amado é nosso coração chamando de volta para casa, irresistível.

A cada Satsang que sentamos com ele, este chamado fica mais forte, mais claro. Ele nos convida amorosamente: Você está aqui apenas para se entregar ao Silêncio e ao Amor. Venha, simplesmente sente aqui!