A Experiência do Retiro

Os retiros com Swaha são um convite para irmos mais fundo e realizarmos a verdadeira liberdade de quem somos.

É assim que eu projetei esses retiros: primeiro você ri, chora, grita, pinta e brinca para se esvaziar de muitas formas diferentes. Você começa a sentir ao invés de pensar. Você começa a se aterrar, começa a se divertir, se tornar mais vivo, a se envolver com o mistério da vida. Então fica mais fácil entrar no silêncio, porque você está vivo, está feliz. Se você estiver inquieto, triste, com raiva – com todas essas coisas que geralmente carrega consigo… quem vai querer ficar em silêncio assim? É por isso que muito poucas pessoas tem interesse em meditação, porque elas estão tão cheias de estresse, raiva, projeções, medo; pensando no futuro, preocupadas com o passado… Primeiro isso tudo tem que ser deixado de lado. Essa é minha receita.

~ Vasant Swaha ~

Cada pessoa é única, portanto nós oferecemos uma ampla variedade de meditações e terapias durante os retiros. Dessa forma você tem a oportunidade de explorar a si mesmo e descobrir o que realmente funciona para você em sua jornada em direção à paz interior e à clareza.

Estrutura do Retiro

Os retiros normalmente são divididos em duas partes.

A primeira parte é direcionada à abertura e ao esvaziamento do sistema corpo-mente através da criatividade e da celebração. Isso proporciona uma oportunidade de liberar estresse e tensão em todos os níveis de seu ser, e voltar à pureza de seu coração. Dentre as muitas técnicas diferentes que utilizamos estão as meditações ativas (tais como a meditações Osho Dinâmica e Kundalini), gibberish, dança, canto, renascimento e bioenergética.

Eu sempre os lembro: use a oportunidade enquanto você está aqui. Muito mais pode acontecer em uma semana do que em um ano inteiro. Por isso é importante que você descarregue sua mente enquanto estiver aqui – se algo vier à tona, você deve se esvaziar. E é exatamente por isso que temos tantas meditações ativas. Caso contrário você pode compreender algo, mas isso continua agarrado à sua memória corporal, às suas emoções. Então eu sou a favor de que você se integre como um ser humano completo, em todas as dimensões diferentes de seu ser.

~ Vasant Swaha ~

 

Na segunda parte, o foco está no silêncio e no simplesmente ser. Todos os retiros com Swaha oferecem a oportunidade de estar em silêncio. Isso ajuda você a trazer o foco de sua energia de volta para o seu ser. Gradualmente convidamos o silêncio, para que ele possa ser experimentado a partir de dentro – um oásis para aqueles que estão ansiando pela paz e pelo relaxamento. O programa é todo organizado de forma a dar suporte ao silêncio dentro de você. As técnicas incluem: exercícios de auto-investigação “Quem Sou Eu?”, Vipassana, Latihan, Nadabrahma, Chi Kung e caminhadas silenciosas na natureza.

A meditação é nosso estado natural de silêncio e contentamento. Não pertence a nenhuma religião ou país, mas é a própria essência da religiosidade… É universal. Qualquer um que trilhar o caminho da meditação se tornará pacífico e amoroso. É disso que o mundo precisa hoje, mais do que nunca. Sim, você terá que encarar a si mesmo – seus pensamentos e ideias que o separam e o seguram. Mas sua verdadeira natureza é a felicidade. Encontrar a sua face original é a jornada da meditação.

~ Vasant Swaha ~

Durante cada retiro existe uma variedade de sessões individuais disponíveis para o bem-estar do corpo, da mente e da alma.

Clique Aqui para mais informações.

Com tudo isso, o foco principal dos retiros com Vasant Swaha são os Satsangs – o encontro com a verdade e o amor entre o Mestre e seus discípulos e amigos. Apenas estar próximo a um místico pode causar profundas mudanças; você começa a se lembrar de seu próprio universo interior. É imensuravelmente profundo, e traz uma tremenda sensação de alegria e liberdade.

O que está acontecendo aqui é bem incomum nesse mundo. Onde mais as pessoas sentam-se de forma tão linda em silêncio? Existe uma maneira de “fazer” que é a maneira do mundo, das massas; e existe uma maneira de “não-fazer”, que é o caminho do buscador, do meditador. Há uma forma de olhar com os olhos: indo para fora; e há uma maneira de buscar com os olhos fechados: aprender a enxergar a partir do coração. Como é possível enxergar com o coração? Primeiro você tem que senti-lo. Por isso é tão importante voltar-se para dentro, descansar, estar centrado. Então você usa esses olhos de formas diferentes – não a partir de sua cabeça, mas a partir do coração. Ninguém está ensinando essa arte. Essa é a arte dos Mestres, isso é Satsang – entrar em sintonia com o Mestre, e dessa forma você entra em sintonia consigo mesmo. Você começa a lembrar-se de seu Ser Divino.

~ Vasant Swaha ~