Notícias da Sangha

O Silêncio do Satsang

Notícias da Sangha, agosto 2, 2015

150730_NO_Sujan_025

Pergunta: O amor é possível sem consciência?
Swaha: Não. Para mim, amor e consciência são o mesmo. São como duas asas do mesmo pássaro.

150731_NO_Sujan_102

O templo da floresta, verão, Noruega. As pessoas chegando, sentando, se agasalhando, arrumando a almofada atrás das costas. O verde intenso do verão norueguês nos rodeia. Pinheiros, vidoeiros e arbustos com mirtilos ainda não maduros. E os sons: o canto de um pardal, o movimento das folhas nas árvores. O rio correndo como um baixo no segundo plano, o zunido dos mosquitos. Uma leve brisa fria acariciando nossas faces, nos fazendo puxar o cobertor mais perto.

A meditação inicia, respirando com os sons, a vibração secretamente nos mantendo juntos, nos unindo como um só cobertor de sons. Olhos fechados. Estamos aterrizando juntos, chegando juntos ao silêncio. O ar é preenchido por antecipação.

 

150726_NO_Sujan_003150723_NO_Sujan_033150723_NO_Sujan_029150711_NO_Sujan_001

Este é um silêncio preenchido por uma energia especial. A espera pelo mestre. Aguardando em alegria e estado de alerta. Ele pode chegar a qualquer momento. Antecipação, como o momento antes do primeiro beijo.

De repente a presença dele está ali. Ele está vindo da floresta, como se estivesse sempre ali, simplesmente esperando que viéssemos. E ele entra no templo para sentar-se conosco, nos saudando com um namastê.

150730_NO_Sujan_006

150730_NO-RAAHI_016

150718_NO-RAAHI_132150730_NO_Sujan_012150730_NO_Sujan_014

Ele vem para compartilhar de si mesmo conosco. Nos contando histórias, respondendo perguntas, lendo nossas cartas. Mas acima de tudo, simplesmente estando aqui, no silêncio entre as palavras.

Nós encontramos um silêncio mais profundo. Estamos embebidos em luz. Somos parte de algo que não compreendemos, é maior que nós.

Quando a gota cai no oceano, onde você irá encontrá-la?
Onde estou? Quem sou eu? Não há um ‘eu’.
Existe apenas o oceano – o oceano de amor, o oceano de consciência.
No oceano não há separação, não há mestre, não há discípulo.

Isso é o que está acontecendo em Satsang – você está voltando ao Um Coração,
ao oceano de sabedoria.

Vasant Swaha

150718_NO_Sujan_037